Objetos inspiradores: utensílios de cozinha, bexigas, livros, cartas de baralho, pequenos instrumentos musicais (como chocalho, xilofone, pandeiro, pequenos sinos), ímãs, funis, brinquedos
Ferramentas: como martelos, brocas, chaves de fenda e estiletes.
Materiais-base: pedaços de papelão; barbante; elástico; arame; blocos de dominó, de madeira ou outro material rígido; rolinhos de papel; banquetas; livros que sirvam como rampa; embalagens descartáveis diversas.
Objetos que balançam ou se movimentam: bolas; brinquedos com rodinhas; brinquedos de dar corda; latinhas; bolinhas de gude.
Materiais conectores: fita adesiva, braçadeiras, cola, cola quente, prendedores de roupa, percevejos, elásticos, barbante.
Objetos aleatórios: sapato, lata vazia, copo, escorredor de macarrão, chapéu.
Dicas de preparação

Materiais e ferramentas

Traga objetos curiosos! Incentive os participantes a pensarem em como poderiam usar objetos do dia a dia de maneiras surpreendentes? De quantas maneiras diferentes poderiam usar o mesmo material? O que poderiam incorporar para diminuir a velocidade de um ponto a outro e aumentar a expectativa?

Organização do espaço e primeiros passos

  • Escolha um espaço que faça sentido para seu objetivo e para o tempo que você tem disponível para realizar o experimento.
  • Pense sobre o ponto inicial. Como você acionará a engenhoca?
  • Para que ela servirá? A Reação em Cadeia contará uma história? Considere desenvolver algo relacionado à tradição de criar um mecanismo super complexo para fazer algo simples, como ligar uma luz ou colocar leite em uma tigela de cereal.

Reações em Cadeia colaborativas

Para criar uma Reação em Cadeia colaborativa:

  • Equipes: trabalhe em equipes de 2 a 3 pessoas.
  • Espaço: Junte várias mesas para que todas as equipes tenham espaço para trabalhar. Crie uma configuração similar a uma cobra, para manter a Reação em Cadeia dinâmica. A mesa de uma das extremidades será o ponto inicial, enquanto a mesa da outra extremidade será o ponto final. Na estação final, deixe um espaço reservado para criações mais elaboradas, que se estendam até o chão ou até o teto.
  • Conexões: Para conectar as estações, use pedaços de madeira como dominós. Cada engenhoca derruba um dominó na extremidade final da sua mesa, derrubando o dominó que inicia a próxima engenhoca. Rotule e configure os dominós iniciais e finais de cada mesa para indicar o fluxo da Reação em Cadeia. Nós usamos fita adesiva para separar os espaços, para que seja mais fácil reiniciar.
  • Tema: Considere unir a Reação em Cadeia com base em um tema compartilhado, como amor ou ciência.
  • Exemplo: Crie um exemplo que mostre os possíveis usos dos materiais, mas que não seja intimidador. O exemplo ideal fará os alunos pensarem “Eu consigo fazer melhor que isso!” e começarem a construir.