Você participou das edições anteriores da CBAC?

Quais foram as suas experiências nas últimas edições da Conferência Brasileira de Aprendizagem Criativa?

 

Você estava em Curitiba em 2018? E em São Bernardo do Campo em 2019? O que você mais gostou? Compartilhe com a comunidade! 

34 Comentários

Essa será minha primeira CBAC e, ainda que às vezes até eu duvide que cheguei há tão pouco tempo na RBAC, vendo tudo o que aconteceu nas duas primeiras edições nem parece que nunca estive em uma. Mas se tem uma coisa certa - e os comentários de vocês aqui reforçam isso! -, uma Conferência Brasileira de Aprendizagem Criativa é sempre uma experiência única que nos abre não apenas janelas e portas, mas eu ousaria dizer que universos inteiros para novas perspectivas para pensar e fazer a educação! Uma educação possível que já vem sendo feita por cada um de

Essa será minha primeira CBAC e, ainda que às vezes até eu duvide que cheguei há tão pouco tempo na RBAC, vendo tudo o que aconteceu nas duas primeiras edições nem parece que nunca estive em uma. Mas se tem uma coisa certa - e os comentários de vocês aqui reforçam isso! -, uma Conferência Brasileira de Aprendizagem Criativa é sempre uma experiência única que nos abre não apenas janelas e portas, mas eu ousaria dizer que universos inteiros para novas perspectivas para pensar e fazer a educação! Uma educação possível que já vem sendo feita por cada um de vocês em seus contextos, como veremos semana que vem na apresentação dos trabalhos que teremos o privilégio de conhecer mais de perto!  

oii reginaldo!! você acredita que o nucleo de robotica e tecnologias assitivas aqui da UFSJ que está organizando esse evento incrivel? Acho que a Aprendizagem Criativa abre oportunidade para todas as areas se comunicarem e trocarem experiências!

Participei de todas até agora. 

Cada uma como seus momentos memoráveis, em 2018 estive com minha amiga de trabalho Jeize e mais duas alunas nossas, foi experiência incrível. Foi em 2018 que tive a oportunidade de conhecer e me divertir em umas das estações com o maravilhoso Luan Freitas em uma das estações. Na mesma época conheci o Guara e tantas outras pessoas incríveis. 

Em 2019 tivemos vários momentos especiais, os patinhos com o Ollie com certeza é algo que vai estar na memória de quase todos. Abraçar a Susan e ouvir o momento de conversa dela com as crianças

Participei de todas até agora. 

Cada uma como seus momentos memoráveis, em 2018 estive com minha amiga de trabalho Jeize e mais duas alunas nossas, foi experiência incrível. Foi em 2018 que tive a oportunidade de conhecer e me divertir em umas das estações com o maravilhoso Luan Freitas em uma das estações. Na mesma época conheci o Guara e tantas outras pessoas incríveis. 

Em 2019 tivemos vários momentos especiais, os patinhos com o Ollie com certeza é algo que vai estar na memória de quase todos. Abraçar a Susan e ouvir o momento de conversa dela com as crianças e os jovens. Nessa época conheci o Ednaldo que é lá de Branquinha.

Um momento muito especial para mim foi a nossa estação de nebulosas comestíveis, que contei com a participação especial de uma grande amiga aqui da comunidade (eu vou deixar ela contar como foi para ela), juntas fizemos muito algodão doce. (queria achar a foto desse momento, quem tiver uma foto desse momento deixa aqui para nós).

CBAC é para mim o encontro de recarregar as energias com o cardume criativo, onde podemos abraçar os amigos, dar corpo e forma para alguns que apenas conhecíamos virtualmente até aquele momento. É poder ver os filhos dos amigos crescendo nesta comunidade. É compartilhar e aprender juntos é dar forma a um movimento que nos move pela educação. Ansiosa para nosso reencontro!

São tantas fotos e memórias, escolhi algumas,a primeira é de um dos bastidores antes de abrirmos a última CBAC para comunidade.

Olha os patinhos passando na sua tela!

Inicio da missão 2019

Missão Cumprida!

Boa noite!

Estive em Curitiba em 2018 e a experiência foi riquíssima! Na oportunidade, compartilhei uma experiência de trabalho com fotografias. Além de conhecer pessoas maravilhosas a troca de experiência, sem sombras de dúvidas, foi o que mais me gostei!  Espero está em São João del-REI! Abraços!!!

Estive nas duas CBACs anteriores. Hoje eu penso que a maior riqueza das conferências é encontrar as pessoas e trocar ideias e risadas. É muito bom voltar para experiências presenciais! Viva a RBAC.

Olá pessoal,

Participei da última conferência em São Bernardo e apresentei o trabalho “ SCRATCH para professores: proposta de construção de objetos de aprendizagem “, participei de várias oficinas e conheci trabalhos incríveis. Já estou contando os dias para nos encontrarmos na próxima conferência.

Olá, grupo!

Nunca participei da Conferência Brasileira de Aprendizagem Criativa, lendo as contribuições, vejo como é importante, interessante e contagiante. 

Participei em 2019, São Bernardo do Campo, com "Construção em malha quadriculada: introdução ao desenho vetorial e letramento digital", foi uma experiência ímpar compartilhar o projeto que construído com os estudantes da escola que trabalhava. Já na Conferência, haviam pessoas de diversos lugares do Brasil com alegria contagiante, vivenciando o construcionismo de Papert e o "Jardim de infância pra toda vida" do Resnick. Estava me aproximando de um novo horizonte, cujo interesse aguçado me rendeu um projeto aceito no mestrado em educação, daí então, a Aprendizagem Criativa como abordagem e fio condutor da minha dissertação. Me aproximei do Núcleo da

Participei em 2019, São Bernardo do Campo, com "Construção em malha quadriculada: introdução ao desenho vetorial e letramento digital", foi uma experiência ímpar compartilhar o projeto que construído com os estudantes da escola que trabalhava. Já na Conferência, haviam pessoas de diversos lugares do Brasil com alegria contagiante, vivenciando o construcionismo de Papert e o "Jardim de infância pra toda vida" do Resnick. Estava me aproximando de um novo horizonte, cujo interesse aguçado me rendeu um projeto aceito no mestrado em educação, daí então, a Aprendizagem Criativa como abordagem e fio condutor da minha dissertação. Me aproximei do Núcleo da minha cidade e hoje atuo como articuladora, aprendendo sempre com as veteranas, participando de grupos de estudo e divulgação da Aprendizagem Criativa.

Ahhh e como participei! Nas duas estive bem no meio da bagunça e foi uma experiência sem igual. Estou contando os dias para estar novamente nesse evento que aquece o coração.

 

Eu tive o prazer de participar das duas primeiras edições, uma experiência inesquecível, a diversidade de atividades e vivências, Conhecer pessoas incríveis e poder ter uma conferência desta magnitude em minha cidade, foi surpreendente e contribuiu muito para a minha prática pedagógica.

 

Participei da 2a CONFERÊNCIA.  Foi uma uma experiência incrível!! Saímos do extremo norte do país para representar  o estado do Amapá. Gostaria apenas de  sugerir que os trabalhos selecionados recebecem uma certificação, isso é importe.

Não recebemos certificado na 2a CONFERÊNCIA. 

Eu participei das duas edições do CBAC e posso garantir a todos é imperdível! Conhecer tantos professores, pesquisadores e entusiastas da inovação e inventividade é uma overdose de inspiração que contamina nossas ideias por muito tempo. Não percam esta oportunidade única.

Para quem quiser relembrar um pouco da 1ª CBAC, que aconteceu em Curitiba, temos uma playlist para recordar de algumas pessoas que estiveram por aqui: https://www.youtube.com/watch?v=pNMlFnJv8jE&list=PLv0LxbgLZEKfKptuZ_s9NRTu6ye4iZAFE

Opa, Kiko aqui do GET Música! =)

Não estive presencialmente infelizmente ainda na CBAC, porém pude me conectar posteriormente online, com uma parte em especial, especialmente acessando a gravação no Youtube do Painel Tinkering <3 com Sebastian Martin, Leo Burd, Paola Ricci e Cássia Fernandez.

Eu simplesmente fiquei encantado e identificado com cada palavra que foi falada por eles/as e com cada experiência compartilhada ali, compreendo que o Tinkering/Explorações Lúdicas são a alma da Aprendizagem Criativa, é onde tudo acontece, e todos os demais fundamentos são estratégias para que este ápice possa se desenvolver intencionalmente da melhor maneira possível.

A título de informação

Opa, Kiko aqui do GET Música! =)

Não estive presencialmente infelizmente ainda na CBAC, porém pude me conectar posteriormente online, com uma parte em especial, especialmente acessando a gravação no Youtube do Painel Tinkering <3 com Sebastian Martin, Leo Burd, Paola Ricci e Cássia Fernandez.

Eu simplesmente fiquei encantado e identificado com cada palavra que foi falada por eles/as e com cada experiência compartilhada ali, compreendo que o Tinkering/Explorações Lúdicas são a alma da Aprendizagem Criativa, é onde tudo acontece, e todos os demais fundamentos são estratégias para que este ápice possa se desenvolver intencionalmente da melhor maneira possível.

A título de informação, deixo aqui o link da versão brasileira deste painel:
https://www.youtube.com/watch?v=7npU68IU_8E

Em nome do GET Música, me coloco a disposição e motivado a colaborar criativamente com a 'musicalização' da CBAC 2023!

Abraçoo e muitas energias positivas nos preparativos, que seja tudo lindooo!!!
😍🙏🏼🌱
 

warning Reportar conteúdo