Objetos inspiradores: utensílios de cozinha, bexigas, pequenos instrumentos musicais (como chocalho, xilofone, pandeiro, pequenos sinos), ímãs, funis, brinquedos
Ferramentas: como martelos, brocas, chaves de fenda e estiletes.
Materiais-base: pedaços de papelão; barbante; elástico; arame; palitos de madeira; tampinhas de plástico; blocos de madeira ou outro material rígido; rolinhos de papel; embalagens descartáveis diversas.
Objetos que balançam ou se movimentam: bolas; brinquedos com rodinhas; brinquedos de dar corda; latinhas; bolinhas de gude.
Materiais conectores: fita adesiva, braçadeiras, colchetes de metal, cola, cola quente, prendedores de roupa, percevejos, elásticos, barbante.
[Opcional] Componentes eletrônicos: pilhas AA; suporte para pilhas AA; Motores DC 3-6V
Itens de papelaria: folhas de papel (de vários tipos, cores e tamanhos), lápis, borracha, canetas de diversas cores, tinta guache, tesoura, barbante e cola.
Dicas de preparação
Dicas de preparação

Sobre os materiais...

A lista de materiais é apenas uma sugestão inicial. Você pode agregar muitos outros materiais que ajudem na criação de mecanismos e invenções com movimento, como canudos, cabides, materiais naturais (galhos, pedrinhas, folhas, terra), água, bexigas, copos de plástico, vinagre e bicarbonato de sódio, prendedores de roupa, canos de PVC, objetos cilíndricos, entre outros.

Podemos optar por explorar inicialmente maneiras de criar invenções com movimento de forma simples, utilizando poucos materiais, e depois ir acrescentando outros para criar projetos cada vez mais complexos. Por exemplo: partir da criação de piões com papelão e palitos, pêndulos com diferentes materiais e cabides, foguetes com bexigas, e caminhar até a construção de um helicóptero, mãos biônicas ou barcos movidos com a ajuda de elásticos ou uma aranha robótica.

Dicas de preparação

Prepare sua aula brincando!

Se puder, aproveite o momento de planejamento para explorar alguns desses materiais e criar suas invenções que se movem, desde as mais simples até algumas com um nível maior de complexidade.

Também é interessante explorar diferentes conexões entre os materiais sem a necessidade de desenvolver o projeto completo, e formas variadas de produzir movimento.

Além de auxiliarem na preparação da aula e previsão do que é interessante abordar com os estudantes, essas explorações podem inspirar a turma e ajudá-los a saber por onde começar a materializar as suas ideias e a perceber que são muitos os caminhos que podem ser explorados. 

Dicas de preparação
Dicas de preparação

Leve inspirações que ajudam os estudantes a se conectarem com o tema

Muitos são os caminhos quando falamos de invenções que se movem e podemos explorar essa diversidade mostrando essas possibilidades para os estudantes, para que possam escolher algo que se conecte melhor com seus interesses.

Por exemplo, podemos:

  • Levar imagens e vídeos de diferentes invenções que se movimentam, desde as mais antigas até as mais futurísticas;
  • Pedir antecipadamente para que os estudantes levem seus próprios exemplos de invenções com movimento, seja por meio de desenhos, dobraduras, fotografias ou brinquedos que já têm em suas casas;
  • Organizar uma saída pela escola para observar essas diferentes invenções que se movem presentes no cotidiano;
  • Levar algumas invenções que possam ser manipuladas e observadas em detalhes pelos estudantes. Por exemplo: bicicleta, catavento, carrinhos de fricção, caixinha de música, entre outros;
  • Levar partes que compõem invenções que se movimentam, como: rodas, hélices, eixos, engrenagens, polias, entre outras.
  • Levar alguma engenhoca que se move e que possa ser desmontada pelos estudantes, para que observem suas partes, seus propósitos no todo e como elas se conectam.
     
Dicas de preparação

Dica - Dicas e Truques

Na página Dicas e Truques existe um documento com muitas sugestões para a organização e o desenvolvimento de aulas apoiadas na aprendizagem criativa! Sugerimos dar uma espiada no que tem por lá, pois pode trazer muitas inspirações para esta atividade! :)